terça-feira, 4 de dezembro de 2007

NÃO SAIBA QUE SEU ROSTO BRILHA

Somos incentivados a buscarmos nossos dons, a descobrirmos nosso lugar no corpo de Cristo. Esse incentivo é dado pela própria Palavra de Deus.

Sabermos que estamos no Centro, que que nossa vida gira em torno da vontade do Senhor é uma alegria! Há uma total certeza e sentido naquilo que se faz.

Mas, não saiba que seu rosto brilha, assim como "Moisés não resplandecia a seus próprios olhos" (Edwards, J.). A presunção é um pecado de que devemos estar sempre atentos, ela distroe a visão correta de que não há nada em nós que faça-nos merecer as dádivas divinas.

Os dons são tanto benção quanto podem ser motivo de presunção. A igreja de Corínto é um exemplo disso, onde mais os dons exraordinários do Espírito se manifestaram daquela forma? Era uma igreja que tinha todos os dons e mesmo assim era lugar de presunção, onde uns se achavam mais importantes, ao ponto de Paulo falar-lhes que um corpo não pode achar que um membro é menos importante que outro.

Reconhecer que todas as coisas são Dádivas de Deus, nossa extrema falibilidade, mesquinhez e incapacidade de vivermos de modo digno sem a Presença e, que, não havia nada em nós que motivasse a nossa redenção e que tudo foi mérito do Filho de Deus, eis ai nosso lugar!

Nenhum comentário: